Cidade de Deus – As Melhores Curiosidades

Cidade de Deus
Canecas para Presente

O Cinema brasileiro nos últimos anos tem nos mostrado que existem muito talentos no nosso país, em Cidade de Deus Fernando Meirelles consegue não só fazer um drama de primeira, como também mostra a realidade das favelas para o mundo. O filme fez há algum tempo uma comemoração de 10 anos de filme. Então, que tal conferir algumas curiosidades sobre o filme?

No filme, o protagonista Buscapé garoto pobre e vive na Cidade de Deus, favela do Rio de Janeiro conhecida por ser uma das mais violentas. Em meio a esse local, Buscapé descobre que a sua paixão por tirar fotos e o ambiente que ele vive, faria seu sonho de seguir profissão como fotógrafo uma realidade. O filme demonstra influências de filmes como Scarface e Pulp Fiction – Tempo de ViolÊncia, na sua fotografia e edição de tirar o fôlego que nos insere bem nesse meio e faz o espectador se sentir dentro de toda a confusão do filme.

As Melhores Curiosidades de Cidade de Deus

Cidade de Deus

  • O elenco do filme é formado, em sua maioria, por moradores de comunidades pobres do Rio de Janeiro. Eles, inclusive, não possuíam a menor experiência com atuação.
  • Na época da gravação do filme, as comunidades em que os atores moravam não possuíam telefones. Então como era feita a comunicação? Simples: telegramas. Os produtores enviavam telegramas com os locais e horários de gravação.
  • Os atores que viveram Cabeleira e Bené, que são irmãos no filme, também são irmãos na vida real. Além disso, ambos foram dos poucos artistas do filme que seguiram carreira. Jhonathan e Phellipe Haagensen são seus nomes.
  • A oração feita pelo grupo de bandidos no filme não estava no roteiro do filme. Ela foi adicionada porque um dos atores realmente fazia parte de uma gangue e perguntou a Fernando Meirelles se era possível fazer um take com eles realizando uma oração.

Cidade de Deus - Buscapé

  • Buscapé é baseado em uma pessoa real. Quer dizer, não o Buscapé em si, mas o conceito e o nome do personagem. José Wilson dos Santos é um fotógrafo free-lancer. Muitas das cenas do filme realmente foram vividas pelo Wilson.
  • O filme foi indicado aos Oscars de: Melhor Diretor – Fernando Meirelles, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Fotografia e Melhor Edição.
  • O filme ganhou um total de sete prêmios como Melhor Filme em festivais.
  • Muitos dos atores do filme acabaram ganhando espaço na mídia, enquanto outros, infelizmente não. Diversos deles, como o próprio protagonista, Buscapé, ainda vivem em comunidades humildes.

Cidade de Deus

  • Um dos atores que viveu um dos integrantes da gangue de Zé Pequeno acabou indo mesmo para o mundo do crime. Em 2001, após as gravações, ele roubou um carro na Tijuca. E em 2017 ele constava como foragido.
  • Zé Pequeno realmente existiu! Além disso, o ator que viveu ele, Leandro Firmino, realmente viveu na Cidade de Deus. Ele nunca teve ambição de ser um ator, mas foi para ganhar um dinheiro e ajudar a empresa de um amigo. Além disso, ele afirma ter ido porque disseram que haveriam mulheres.
Mas e você? Curte o filme Cidade de Deus? Conhecia estas curiosidades? Então comenta aí?

Lucas Gabriel

Estudante de Tecnologia da Informação, apaixonado por cinema, música e boas histórias de terror e drama! Adora discutir teorias malucas sobre séries ou filmes. Nerd assumido desde pequeno. Fã do Quentin Tarantino (inclusive acredita na teoria de que todos os filmes formam um só), Star Wars, Harry Potter, FRIENDS e filmes, como Laranja Mecânica, Donnie Darko e Nosferatu.