Moonwalker – O filme de Michael Jackson!

Moonwalker
Canecas para Presente

Há algum tempo atrás foi postado aqui no Minha Série Favorita um artigo sobre Michael Jackson. Neste post foram explanados 5 filmes que quase foram protagonizados pelo cantor. O fato é que nesta mesma matéria um filme que o próprio Michael produziu é citado. O nome do filme, como você pode ver no título deste post é Moonwalker. Lançado em 1988, o longa é, na verdade, um musical. É claro que isso é meio óbvio, se tratando de um filme do Michael Jackson. Mas você sabe mais coisas sobre o filme? Pode deixar que eu vou te contar informações sobre o filme e a minha experiência com o longa.

Apesar de ter toda a fantasia e ter o grande nome de Michael… a verdade é que como filme, em si, não dá para negar que Moonwalker é uma obra meio tosca. Não que não existam coisas incríveis neste filme, falaremos já já sobre elas. Mas o enredo do filme é muito fraco e mal trabalhado. Por momentos, inclusive, nem parece que existem histórias. Quando assisti pela primeira vez achei que eram apenas clipes musicais com algumas cenas interligando eles. O que, de fato, é isto mesmo.

Sinopse

A sinopse de Moonwalker diz: “Michael Jackson acaba sabendo dos terríveis planos de um traficante de drogas chamado Mr. Big, que na verdade chama-se Frankie LiDeo. Kate acaba presenciando a cena e ela e seus amigos, Zeke e Sean, correm perigo. E agora Michael precisa mostrar seus poderes mágicos para salvar as três crianças do maligno Mr. Big e seu exército de drogados, mas com muito estilo e música como Smooth Criminal e até mesmo se transformar em robô e em carro.”

Moonwalker - crianças e Michael

O enredo, apesar de trazer assuntos polêmicos como o tráfico de drogas, é mais voltado para o público infantil. Durante o filme vemos Michael interagindo e brincando com o trio de crianças. Em certo momento, inclusive, o cantor transforma-se em um coelho. Isso, aliás, não é demérito algum. O filme é muito bom é diversos outros aspectos no quesito entretenimento.

Trailer

Minha Experiência Com Moonwalker

A primeira vez que vi Moonwalker foi na TV, creio que estava sendo transmitido no SBT, mas não tenho certeza. Estava “zapeando” os canais quando me deparei com Michael Jackson na TV. Desde pequeno tenho uma admiração pelo artista que ele foi. Ficava absolutamente encantado com os clipes e danças de Michael. Então, ao vê-lo na TV parei para assistir.

Lembro de ter me divertido muito, pois já conhecia as músicas. E também era muito divertido ver, por exemplo, a releitura de Bad com crianças, ou o Michael transformado em coelho. Além disso tudo, ao final, podemos ver Michael se transformando em um carro e até em um robô gigante! Isso para uma criança é incrível de ser assistido.

Então, não posso negar que minha experiência com o filme sempre foi muito boa. Claro que hoje vendo com olhos diferentes vejo que o filme em si não é bem trabalhado narrativamente, mas ainda é muito interessante de assistir.

Então… o que Moonwalker tem de bom?

Tirando a história e as atuações… (haha) tudo. O filme é, na minha opinião, uma experiência. Um prato cheio para os fãs do cantor. Isso é mostrado desde o início do filme quando vemos uma performance ao vivo da música Man In The Mirror. Em seguida, nos é mostrada uma enorme retrospectiva da vida e obra de Michael. Isto é, vemos desde a época do The Jackson 5 até o momento de lançamento do filme. Assim, ouvimos diversas músicas extremamente marcantes da carreira dele.

Após todo esse show de apresentações de Michael Jackson, Moonwalker nos leva a um cenário que lembra o clipe Bad, lançado pelo cantor. Mas ao invés de Michael, vemos um grupo de crianças representando o clipe, o que é muito divertido. Após Bad, vemos o clipe de Leave Me Alone, em que Michael demonstra seu incômodo com a pressão dos holofotes.

E só agora a história começa de verdade, com o clipe de Smooth Criminal. É aqui que as crianças são apresentadas. E após esta música o confronte entre Michael e o vilão Mr Big acontece.

Ao final do filme Michael interpreta a música Come Together dos Beatles. O que é curioso, pois Sean Lennon, o filho de John Lennon, é que interpreta a criança Sean no filme.

E é isso que o filme traz de bom para nós, fãs de Michael. É uma verdadeira experiência e um grande entretenimento assistir Moonwalker.

Conclusão

Se você gosta de Michael Jackson e de suas músicas, Moonwalker merece uma chance. Mas vá com a cabeça aberta e não espere uma grande história, pois não temos isso aqui. É um filme divertido e que pode ser visto, inclusive, em família. Caso queira apresentar Michael para seus filhos, por exemplo.

Mas e você? Já conhecia o filme Moonwalker? Já havia assistido? O que acha do filme? Gosta? Então comenta! 😀
Lucas Gabriel

Estudante de Tecnologia da Informação, apaixonado por cinema, música e boas histórias de terror e drama! Adora discutir teorias malucas sobre séries ou filmes. Nerd assumido desde pequeno. Fã do Quentin Tarantino (inclusive acredita na teoria de que todos os filmes formam um só), Star Wars, Harry Potter, FRIENDS e filmes, como Laranja Mecânica, Donnie Darko e Nosferatu.