Drogon não atacou Jon Snow, mas por quê?

Drogon

Game of Thrones chegou ao seu final e não agradou a todo seu público. Como o próprio George R. R. Martin já vinha dizendo, o final da história seria agridoce, nem feliz, nem triste. Nem preciso dizer que esse post terá SPOILERS! Mas, vamos lá. Uma coisa que deixou uma galera incomodada no episódio final foi a atitude do Drogon após a morte da Daenerys. O dragão simplesmente não fez nada contra o Jon Snow que matou a mãe dele bem ali na sala do trono. Mas ao invés de atacar o Jon Snow, ele simplesmente derreteu o trono de ferro, pegou a Dany e foi embora. O que será que fez ele ter essa atitude?

A explicação que muita gente tem dito é que o Drogon “entendeu” que não foi culpa do Jon Snow. O dragão teria entendido que a culpa havia sido do Trono de Ferro e por isso ele teria derretido o trono. Mas pesquisando um pouco eu achei a informação de que no livro existe uma explicação melhor para esse ataque não ter acontecido.

Drogon

Basicamente, no livro, é deixado claro que os dragões eram apenas máquinas de guerra utilizados pelos humanos de Valíria. Apenas as grandes famílias do local conseguiam domar estes animais. Entretanto, com a destruição da cidade, a única família restante, os Targaryen, fugiu para Westeros com seus dragões. Passaram um tempo vivendo em Pedra do Dragão e, então, Aegon I, o Conquistador, tomou Westeros para si com a ajuda de três dragões.

Estes acontecimentos fizeram com que a família Targaryen e os dragões tivessem um elo muito, muito forte. Assim, os dragões só obedeceriam ordens de Targaryens. Jon, por ser da família, não poderia ser atacado por Drogon. Mas, ao mesmo tempo, não poderia dar ordens ao dragão, por não ser puro. Por isso, o dragão pega sua mãe e vai embora.

Mas comenta se você acha que essa teoria faz sentido! Se não faz, fala por quê! E comenta qual sua opinião, por que Drogon não atacou Jon?

Lucas Gabriel

Estudante de Tecnologia da Informação, apaixonado por cinema, música e boas histórias de terror e drama! Adora discutir teorias malucas sobre séries ou filmes. Nerd assumido desde pequeno. Fã do Quentin Tarantino (inclusive acredita na teoria de que todos os filmes formam um só), Star Wars, Harry Potter, FRIENDS e filmes, como Laranja Mecânica, Donnie Darko e Nosferatu.