Todd McFarlane fala sobre críticas a Venom

Todd McFarlane

O filme do Venom coletou diversas críticas negativas do público e da crítica profissional. Muitas pessoas falaram que o filme é totalmente esquecível e não consegue entreter bem o espectador. Diversas críticas ruins também ocorreram sobre o CGI do longa. Mas, como já sabemos, isso não foi o suficiente para impedir a bilheteria do filme de crescer exponencialmente. Para termos noção, ele tornou-se uma das maiores bilheterias do ano. A maior parte da crítica especializada. Mas, o quadrinista Todd McFarlane rebateu as críticas ao filme. Segundo ele, a causa das críticas foi a idade dos críticos.

A produção colecionou apenas 29% no Rotten Tomatoes, com cerca de 300 reviews. Então, assim, é difícil defender. Entretanto, há quem tenha adorado o filme, é claro, e tem todo o direito de gostar. Contudo, ao que parece, para algumas pessoas, a justificativa encontrada por Todd McFarlane não é muito sustentável. Durante entrevista para o Yahoo Entertainment, ele disse:

“Foi uma grande montanha russa. Visualmente, tudo acontecia ao mesmo tempo. Eu acredito que, às vezes, os críticos erram ao esquecer a idade deles. Eles apenas chegam com seus 42 anos e sua atitude para dizer: “Pare”. E se alguém de 16 anos assistir esse filme? Ele iria amar.”

Venom é uma história baseada em duas HQ’s do protagonista: Venom: Protetor Letal e Planeta dos Simbiontes. Nas duas histórias, a relação de Eddie Brock com a forma de vida alienígena é explorada. além disso, também é possível observar as formas como o simbionte manipula Eddie. Em Venom: Protetor Letal, Eddie Brock muda-se para a cidade de São Francisco após um acordo com Peter Parker. Enquanto em Planeta dos Simbiontes o herói e o vilão se unem para derrotar um exército de simbiontes que invadem a terra. Tudo isso é muito interessante porque pode levar à criação do Anti-Venom, uma versão bondosa do simbionte.

Mas e você? Qual a sua opinião sobre a afirmação de Todd? Comenta aí! 😀
Lucas Gabriel

Estudante de Tecnologia da Informação, apaixonado por cinema, música e boas histórias de terror e drama! Adora discutir teorias malucas sobre séries ou filmes. Nerd assumido desde pequeno. Fã do Quentin Tarantino (inclusive acredita na teoria de que todos os filmes formam um só), Star Wars, Harry Potter, FRIENDS e filmes, como Laranja Mecânica, Donnie Darko e Nosferatu.