O Cavaleiro das Trevas: As Melhores Curiosidades

Considerado um dos maiores sucessos quando o assunto é adaptações de quadrinhos da DC para o cinema, O Cavaleiro das Trevas realmente chamou a atenção da crítica e do público geral. O filme gerou mais de 1 bilhão de dólares em bilheteria por todo o mundo e foi dirigido por ninguém mais ninguém menos que Christopher Nolan. Esse é o primeiro filme do herói que não traz seu nome no título original, sendo The Dark Knight, mas essa é´apenas uma das muitas curiosidades que rondam a produção que explora maravilhosamente a origem de um dos personagens mais amados do universo DC Comics, o Coringa!

O longa-metragem ganhou inúmeros prêmios no ano de 2009, incluindo o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante para o, já falecido, Heath Ledger, e Melhor Edição de Som. O Globo de Ouro e o Bafta também não ficaram para trás e, mais uma vez, deram um troféu para Heath, na mesma categoria citada acima.

E se você gosta de super-heróis, principalmente da DC, com certeza vai adorar a lista que preparamos para vocês com as melhores curiosidades de um dos maiores filmes da Warner Bros. Afinal, O Cavaleiros da Trevas nunca sai de moda. Confira logo abaixo alguns fatos interessantes da produção!

As Melhores Curiosidades de Batman – O Cavaleiro das Trevas

  • A principal influência de Nolan para a adaptação foi o filme Fogo Contra Fogo, de 1995, que mostra o duelo entre o criminoso Neil McCauley e o policial Vincent Hanna. Provavelmente, essa inspiração é o que torna o filme de Nolan único, já que muitos não o consideram como um filme de super-heróis, mesmo que tenha o Batman como protagonista.
  • Outra pessoa poderia ter ficado responsável pelo icônico Palhaço do Crime. Esse era Robin Williams, ator e cineasta que ficou conhecido pelo longa-metragem Insônia, de 2002.
  • Já Cillian Murphy queria, na verdade, o papel do Batman, que acabou ficando com Christian Bale. Mas esse não foi o fim da participação de Murphy na obra, já que Nolan gostou tanto da interpretação do jovem que acabou dando-o o papel de Dr. Jonathan Crane, o Espantalho. E não apenas no primeiro filme, mas nos dois seguintes dirigidos por ele.

  • A bola de fogo que aparece na cena de abertura do filme realmente foi criada, no entanto, esqueceram de avisar a comunidade. A explosão gerou um pânico tão grande que todos os moradores em Battersea Powers Station, em Londres, acharam que se tratava de um atentado terrorista na cidade.
  • Heath Ledge, até hoje, é considerado um dos mais incríveis atores que estiveram na pele do Coringa. Para se preparar para o filme, ele ficou sozinho em um hotel por um mês inteiro, preparando o seu psicológico, sua voz e sua postura. Em um diário, Ledge escreveu todos os pensamentos e sentimentos de seu personagem durante suas performances. Infelizmente, o ator faleceu em 22 de janeiro de 2008, antes da estreia do film, por conta disso, foi anunciado ainda no dia de seu falecimento, que todas as cenas que Heath gravou estariam na versão final do longa.

  • Por falar em Ledge, a maquiagem do ator levava mais de uma hora para ficar pronta. E outro fato interessante é que foi ele mesmo quem criou a maquiagem, pois, se ele era o Coringa, não deveria ser maquiado por outros. “O Coringa fazia sua própria maquiagem” era o que ele pensava. Mas não ache que ele fez isso todos os dias, depois que o design foi aprovado, a equipe de maquiadores ficou responsável por recriar aquela pintura todos os dias em que ocorriam gravações.
  • Para se ter uma ideia do quanto Heath se dedicou a seu personagem, na cena do interrogatório, uma das mais tensas do filme, onde Batman encara Coringa, o ator pediu a Bale que batesse nele de verdade, e o mais forte possível. Não é de se estranhar que ele tenha ganhado tantos prêmios, não é? Pena que ele não pôde recebe-los.

  • E não foi só Heath que se deicou, Jerry Robinson, um dos criadores do personagem Coringa, foi contratado para servir como consultor durante a produção do filme pela Warner.
  • Existe uma alusão ao personagem Charada no filme, estamos falando do Mr. Reese. Assim como acontece nos quadrinhos, Reese é o responsável por tentar revelar a identidade de Batman. Além disso, o seu nome, quando pronunciado, lembra a palavra “mysteries” (mistérios), Mister Reese. algo semelhante acontece com o nome do personagem Charada, Edward Nigma, cujo sobrenome lembra a palavra “enigma”.

Gostou de saber um pouco mais sobre um dos maiores sucessos do cinema? Deixe seu comentário logo abaixo!

Júlia Campos

Oficialmente, estudante de design e técnica de informática. Nas horas vagas, ilustradora, modelo e escritora. Sou apaixonada por jogos, gamedesign e cultura oriental no geral, as vezes até pareço ser uma Geek assumida. Fã da autora Maggie Stiefvater e amante de séries de suspense, mistério e terror (as vezes arriscando um romancezinho).