Madoka Magica: As Melhores Curiosidades

Já ouviu falar em Puella Magi Madoka Magica (ou apenas “Madoka Magica”)? O anime que se tornou febre em 2011 e possui 12 episódios e 3 filmes, além, é claro, de mangás e jogos inspirados na história. A trama conta a história de Madoka Kaname, uma jovem colegial que, repentinamente, após a chegada de uma jovem chamada Homura em sua escola, se vê no meio de uma verdadeira confusão. Homura é nada mais, nada menos que uma “Garota Mágica”. uma entidade que tem como objetivo derrotar bruxas que causam acidentes, mortes e catástrofes por todo o mundo. Mas a jovem de longos cabelos negros não parece está muito focada nessa missão, em vez disso, Homura parece querer, a todo o custo, derrotar Kyubey, a criatura que cria as mahou shoujos. Mas, por quê? E por que a menina quer tanto que Madoka fique longe disso? E como Homura se tornou uma garota mágica se Kyubey não se lembra dela?

Bom, se você já assistiu ao anime sabe muito bem a respostas para todas essas questões. Mas, você conhece as melhores curiosidades sobre Puella Magi Madoka Magica?

As Melhores Curiosidades Sobre Madoka Magica

  • Puella Magi, em latim, pode ser traduzido como  “menina mágica”. O que faz muito sentido, não é mesmo?
  • A história de Madoka é inspirada na lenda alemã de Fausto. Segundo a lenda, um médico, mago e alquimista alemão chamado Dr. Johannes Georg Faust fez um pacto com um demônio chamado Mefistófeles, afim de conseguir mais conhecimento.
  • Gen Urobuchi, criador de Madoka Magica, disse certa vez que Sayaka nunca seria realmente feliz em nenhum universo possível da série.

  • O produtor da série, Atsuhiro Iwakami, não contou para a staff o que seria revelado no final da série. O objetivo dele era provocar a surpresa da equipe quando descobrissem que Madoka Magica era muito mais além de um simples desenho sobre garotas com poderes mágicos, como Sakura Card Captor e Sailor Moon. E, bom, podemos dizer que isso deu muito certo.
  • E por falar nisso, a dubladora original de Kyubey admitiu que chorou quando descobriu o que acontecia com seu personagem.
  • O escudo de Homura no anime tem uma forma diferente no mangá. Enquanto ele é bem pequeno e redondo na versão animada, nos quadrinhos ele é um losangolo e possui uma forma que lembra muito uma ampulheta em seu centro. Outra informação interessante sobre os utensílios de Homura é que suas granadas foram criadas por ela mesma, com a ajuda da internet!

  • E os zumbis que Walpurgisnacht invoca na adaptação tem uma origem bem mais macabra do que a que é mostrada. No mangá fica claro que eles são os corpos de Kyoko, Sayaka e Mami, que, a esse ponto da história, já não estão mais vivas.
  • Uma das coisas que mais causa desconforto em quem assiste a animação é a mudança brusca de atmosfera sempre que as meninas acabam entrando em um batalha. Os ambientes internos das bruxas foram criados tendo como base obras de artes antigas, como as de Picasso, Van Gogh e Dali.

E então? Gostou de saber um pouco mais sobre o anime? Deixe seu comentário e fale o que gosta ou não na animação!

Júlia Campos

Oficialmente, estudante de design e técnica de informática. Nas horas vagas, ilustradora, modelo e escritora. Sou apaixonada por jogos, gamedesign e cultura oriental no geral, as vezes até pareço ser uma Geek assumida. Fã da autora Maggie Stiefvater e amante de séries de suspense, mistério e terror (as vezes arriscando um romancezinho).