Os Jovens Titãs em Ação: Melhores Curiosidades

Já falamos aqui sobre as principais diferenças entre o desenho e as HQ’s, agora vamos falar mais sobre a criação do desenho. Quais serão as melhores curiosidades de Os Jovens Titãs em Ação?

A série foi lançada em 2013 e foi inspirada em uma HQ da empresa DC Comics, lar de várias outras inspirações que acabaram em obras de sucesso. Criada por Glen Murakami para o canal de desenhos Cartoon Network, Os Jovens Titãs em Ação acumulou uma legião de fãs das mais várias idades.

Mas vamos parar de enrolação e ir ao que interessa!

As Melhores Curiosidades de Os Jovens Titãs em Ação

  • Existe uma referencia ao filme e livro Laranja Mecânica (The Clockwork Orange) na série. No décimo episódio da primeira temporada, Mad Mod captura Ravena e a obriga a assistir uma série de imagens, uma tortura conhecida como “Tratamento Ludovico”. No filme protagonizado por Malcolm McDowell, seu personagem, Alex DeLarge, acaba sofrendo da mesma tortura. Além disso, foi Malcolm o responsável pela dublagem de Mad Mod!
  • Já ouviu falar em Hi Hi Puffy AmiYumi? Uma série animada que mostra as aventuras de duas cantoras japonesas, integrantes da dupla PUFFY, que realmente existe. E não só existe como foram as responsáveis pelo tema de abertura.

  • Provavelmente você sabe que o personagem Robin é um dos companheiros inseparáveis de Batman, um dos maiores sucessos da editora DC Comics, mas é curioso observar que o personagem que seria o mentor de Robin não aparece em Os Jovens Titãs em Ação. Mesmo assim, seus sinais estão por todo lugar. Um exemplo é a própria canção de abertura da série que foi inspirada no seriado do Batman de Adam West.  Em um outro momento, quando Slade está tentando convencer Robin a se tornar seu aprendiz, ele afirma que será como um pai para o personagem. Para nossa felicidade, Robin responde de uma forma não esperada: “Eu já tenho um pai”. A cena que se segue mostra vários morcegos voando, dando a entender que a referencia é realmente a Batman.

  • O desenho dos personagens e o amor de Mutano por motocicletas foi inspirado em um pequeno anime de seis episódios chamado FLCL, ou Fooly Cooly.
  • Mas Os Jovens Titãs em Ação não foi a primeira aparição da equipe de heróis da Marvel nas telas. Em 1967, no desenho The Superman/Aquaman Hour of Adventure, um time com os integrantes Kid Flash, Moça-Maravilha, Aqualad e Ricardito deu as caras! Um pouco depois, nos anos 80, a DC tentou criar uma série solo dos Jovens Titãs, mas o projeto acabou sendo cancelado pois os direitos de vários personagens da empresa estavam com outro estúdio de animação, incluindo os de Robin.
  • “Eu quero que vocês façam coisas que não deveriam fazer” foi o que o vice-presidente do Cartoon Network falou para a equipe criativa do desenho durante sua produção. A ideia era simples, fazer um desenho que não obedecesse totalmente as “leis da DC”.

  • Mutano já foi Garoto-Fera. É, talvez você saiba disso, ou não. A questão é que o nome original do personagem era Beast Boy (que pode ser traduzido como Garoto-Fera), mas, algum tempo depois, a própria DC auterou seu nome para Changeling. Mesmo assim, a produção de Teen Titans Go! decidiu manter o primeiro nome. Depois do sucesso da série, a empresa decidiu voltar a chamar o personagem de Beast Boy, já que o Cartoon havia popularizado o garoto. Mas, no Brasil, as coisas foram um pouco diferentes: O nome de Mutano realmente foi alterado. Até a mudança para Changeling, o personagem era chamado de Garoto-Fera, logo depois acabou ganhando o nome que conhecemos hoje, Mutano. O Garoto-Fera não voltou nem mesmo quando os EUA decidiu voltar a usar o Beast Boy.

Você já viu todas as temporadas de Os Jovens Titãs em Ação? Já leu nossa matéria anterior sobre o assunto? Vamos, deixe sua opinião!

Júlia Campos

Oficialmente, estudante de design e técnica de informática. Nas horas vagas, ilustradora, modelo e escritora. Sou apaixonada por jogos, gamedesign e cultura oriental no geral, as vezes até pareço ser uma Geek assumida. Fã da autora Maggie Stiefvater e amante de séries de suspense, mistério e terror (as vezes arriscando um romancezinho).