House of Cards: As Melhores Curiosidades sobre a série

Lançada no primeiro dia de fevereiro de 2013 pelo canal de streaming, Netflix se tornou um dos maiores sucessos da década. House of Cards já conta com 5 temporadas e a sexta já está vindo aí. Seu enredo fala sobre um astuto congressista americano que foi traído pelo presidente que ele ajudou a eleger. Não demora muito para Frank Underwood, protagonista da série, começar um plano para acabar com seus adversários políticos. Para isso, ele conta com a ajuda de sua esposa, uma jornalista e um outro político (alcoólatra) e seu objetivo é claro: conquistar a presidência da maior potencia mundial atualmente, os Estados Unidos da América.

Hoje vamos conhecer algumas das melhores curiosidades da série criada por Beau Willimon!

As Melhores Curiosidades de House of Cards (US)

  • A série é baseada em um livro de mesmo nome e foi escrito por Michael Dobbs. Ainda nos anos 90, a história ganhou uma adaptação para a TV e foi transmitida pelo canal BBC, possuindo apenas quatro episódios. Na época, o enredo começava logo depois que o mandato de Margaret Thatcher, ex-primeira-ministra da Inglaterra, acabou.
  • House of Cards é filmada na cidade de Joppa, estado de Marland, próxima a capital americana e não nos estudos californianos com os quais estamos acostumados. O local foi escolhido propositalmente para se aproximar ao máximo do clima da capital.

  • Beau já esteve no meio político. O criador da série costumava trabalhar com Charles Schumer, Hillary Clinton e Howard Dean. Provavelmente este é o motivo do enredo conseguir mostrar tão bem o funcionamento do governos dos Estados Unidos
  • Além de Beau, o ator e produtor Kevin Spacey também decidiu passar um tempinho no meio do congresso, tudo para ajudar na produção do programa. Segundo ele “Não é fácil. Mas foi fascinante ir a algumas reuniões de sabatina e realmente ver como é a agenda deles, o que eles vão divulgar para a imprensa e como eles fazem isso”.

  • E mais um que esteve nos bastidores da política foi o próprio Michael Dobbs, escritor da obra que inspirou a produção. Durante um tempo, Dobbs serviu como Chefe de Gabinete para Margared Thatcher, já citada anteriormente na matéria, em meados da década de 80. Ele também foi Presidente Adjunto do Partido Conservador entre 94 e 95.
  • House of Cards foi a primeira série criada por um canal online a ganhar o maior prêmio televisivo do mundo, o Emmy. Isso aconteceu ainda em 2013 e a produção não ganhou apenas um prêmio, mas sim três! Foi a Melhor Direção em Série Dramática, Melhor Elenco em Série Dramática e Melhor Direção de Fotografia. Desde então, a série acumula muitos troféus em sua estante.

  • Até o elenco ser contratado, David Fincher e Kevin Spacey não sabiam que Michael Gill, interprete do ex-presidente Garret Walker, e Jayne Atkinson, atriz que dá vida a Secretária de Estado Chatherine Durant, eram casados.
  • A série não é só a querida por eleitores, mas por personalidades políticas também! Em 13 de fevereiro de 2014, Obama pediu para que seus seguidores não dessem spoilers da série em seu twitter. Já um dos líderes do Partido Comunista da China, Wang Qishan, também declarou ser fã da produção.

  • Kate Mara, atriz que fez Zoe Barners na série, se recusa a ter que trabalhar em dias de jogos dos Super Bowl (e isso está incluso em seu contrato para House of Cards). Desde que teve que realizar as filmagens da série 24 Horas e abriu mão de ver vários jogos de seus times preferidos, Mara pede para sua agente inserir em todos os seus contratos uma cláusula que a libera de qualquer compromisso profissional da noite do Super Bowl (desde que os Steelers ou os Giants estejam jogando).

Bom, essas foram apenas algumas curiosidades sobre a produção de uma das séries com maior audiência do mundo. O que achou da matéria? Dê sua opinião!

Júlia Campos

Oficialmente, estudante de design e técnica de informática. Nas horas vagas, ilustradora, modelo e escritora. Sou apaixonada por jogos, gamedesign e cultura oriental no geral, as vezes até pareço ser uma Geek assumida. Fã da autora Maggie Stiefvater e amante de séries de suspense, mistério e terror (as vezes arriscando um romancezinho).