Crítica Suspense: Marrowbone

Esse filme é curioso e instigante. Ele trabalha diretamente com o suspense e parece ser Terror, mas na verdade é puro drama. Legal que, por mais que o filme insinue o sobrenatural, no final, isso não faz parte de seu universo. Tecnicamente, Marrowbone é mais um filme sobre psicológico e perdas do que sobre fantasmas e monstros.

A história fala de uma família composta por uma mãe e quatro filhos, todos fugitivos de um pai abusivo que o filme explica exatamente o quão maléfico era ao mostrar, pela perspectiva de cada um dos filhos, o quanto ele os assustava e os traumatizou. Além disso, a mãe morre no início, deixando as quatro crianças sob cuidados do irmão mais velho em uma casa afastada da sociedade. Porém, ninguém podia saber da situação da família ou separariam as crianças, e eles aguardam até o aniversário de 18 anos do mais velho pra ele assumir a responsabilidade legal sobre seus irmãos. E o problema surge quando o pai aparece, e desaparece.

O restante do filme mostra os jovens vivendo escondidos, enquanto o mais velho se relaciona com uma amiga que fizeram assim que chegaram na cidade. Entretanto, mistérios surgem como coisas estranhas na casa, intrigas entre os irmãos, e supostos monstros no espelho.

Legal que tudo isso não passa de algo secundário perto da trama real, e no final, o temor gira em torno do medo de si mesmo… os espelhos tem haver com reflexos, as coisas estranhas tem haver com pavor de encarar a verdade, e por ai vai.

Ainda assim, até que tudo seja revelado, o medo perdura triunfante sob o manto de um suspense constante.

A história pode até ser contada pela perspectiva das 4 crianças, mas no fim todas as peças se encaixam e revelam algo surpreendente. Por mais que já fosse esperado em dado momento da narrativa, com muitas insinuações de qual teria sido o desfecho do encontro com o pai que simplesmente desapareceu, os resultados disso e a forma como tudo ocorreu, e também como é revelado, deixa o espectador boquiaberto.

Além disso tudo, a carga dramática do final e a questão sobre o que é certo ou errado, isso deixa o espectador pensativo. Afinal, é certo manter a ilusão para a felicidade de quem se ama ou simplesmente, assumir a realidade e conviver com a dor?

Marrowbone é um filme maravilhoso de suspense com drama e elementos de terror, e vale a pena ser assistido.

Fernando Max

Eu gosto de escrever sobre tudo usando minha perspectiva. Não me importo com spoilers então não os poupo, mas estou fazendo um esforço pra evita-los para o melhor proveito de vocês.