As Melhores Curiosidades de Quentin Tarantino

Quentin Tarantino

Se fossemos definir os filmes de Quentin Tarantino, provavelmente diríamos coisas como: violência, vingança, diálogos geniais e envolventes, cenas de música e dança e muitas (MUITAS MESMO) referências ao cinema e cultura pop em geral. Essas são apenas algumas marcas deste genial cineasta. Se você não conhece Tarantino, só ouviu falar ou nem isso, não sabe os filmes que está perdendo. Mas eu vou te dar uma pequena luz aqui.

Quentin Tarantino é considerado um dos maiores cineastas da atualidade e talvez de todos os tempos. Tudo isso se deve a sua dita genialidade e originalidade sempre presentes em seus filmes. Tarantino é conhecido por sempre escrever seus roteiros e dirigi-los. Com exceção de seus dois primeiros roteiros, quando não tinha dinheiro. Seus filmes são aclamados por diversos críticos e pelo público, somados resultam um total de 8 filmes até hoje e o cineasta afirmou que após o décimo, deixaria o cinema.

Com o intuito de homenagear este incrível diretor, trago hoje algumas das melhores curiosidades sobre esta figura genial e incomum que é Tarantino. E vamos, então, às curiosidades!

Quentin Tarantino

As Melhores Curiosidades de Quentin Tarantino

  • Tarantino teve uma infância complicada. Sua mãe, a enfermeira Connie MucHugh, engravidou do músico e ator Tony Tarantino aos 15 anos. E, meses após o nascimento do pequeno Quentin, Tony abandonou ambos. O pequeno cresceu como uma criança comum, era fã do Homem-Aranha, não gostava de esportes e possuía autorização de Connie para assistir filmes adultos.
  • Apesar de ter sido abandonado pelo pai ainda pequeno, Tarantino ainda possuiu uma figura paterna. O músico Curtis Zastoupil. O segundo marido de Connie, adotou Quentin e alterou seu nome para Quentin Jerome Zastoupil. O sobrenome “Tarantino” só foi utilizado de novo pelo cineasta, quando ele deu início a sua carreira artística.
  • Tarantino estudou Artes Cênicas na faculdade, mas claramente o lance dele era escrever suas histórias, seus roteiros e, futuramente, mostrou um GRANDE talento como diretor.
  • Quentin trabalhou, em 1984, em uma locadora de filmes. Era uma forma de se sentir mais próximo de sua paixão. E, apesar de não estar na parte de criação e, sim, na distribuição dos produtos, ele ainda se dava ao luxo de escrever roteiros de filmes e os vendia.

Quentin Tarantino

  • Os roteiros vendidos por ele que mais tiveram sucesso foram: Amor À Queima-Roupa (True Romance) lançado em 1993 e Assassinos Por Natureza (Natural Born Killers) de 1994. Se você conhecer um pouco os filmes do “Taranta” vai perceber grandes características dele neste filme.
  • Ele só foi reconhecido e encorajado a produzir completamente um de seus roteiros quando o produtor Lawrence Bender os leu e, em uma festa, o convenceu a tentar executar um filme por completo. Tarantino pensou bastante na ideia e, por fim, resolveu arriscar.
  • Ao escrever o roteiro de Cães de Aluguel (Reservoir Dogs), Tarantino sentiu que seria com esse roteiro que realizaria seu primeiro filme. Em parceira com seu colega de trabalho (ainda da locadora), ele juntou uma graninha (30 mil dólares para ser mais exato). Mas, por sorte, quando o roteiro caiu nas mãos do ator Harvey Keitel e ele percebeu a qualidade que aquele filme possuía, ele mesmo resolveu bancar o filme contanto que atuasse como o Mr. White. (Grande decisão, Harvey!)

Quentin Tarantino - Cães de Aluguel

Agora vamos sair um pouco da história do cara e vamos a algumas curiosidades de seus filmes!

Curiosidades Sobre Os Filmes de Tarantino

  • Se você já assistiu a duologia Kill Bill, sabe que existe ali muita porrada, violência e, principalmente, muito sangue. Mas você tem noção de exatamente quanto de sangue falso foi utilizado para fazer toda aquela matança? Exatos 450 galões de sangue falso!
  • Em seus filmes, Tarantino adora trazer um pouco de sua linguagem própria nos diálogos de seus personagens. Por isso, a maioria de seus filmes, principalmente os mais antigos, estão recheados de muitos “fuck’s”. Ao total, em Pulp Fiction (considerado por muitos sua “masterpiece”), são ditos 265 “fuck’s” e suas variações. Este número só perde para Cães de Aluguel que possui “apenas” 269.

Quentin Tarantino - Jango Livre

  • Além da palavra “fuck” e suas derivadas, Tarantino também faz muito uso da palavra pejorativa “nigger” (o famigerado “nigga”). Ao todo, em Django Livre, a palavra é dita 110 vezes, seguido por Jackie Brown, que diz 38. Em terceiro lugar, Pulp Fiction com apenas 14.
  • O cineasta é muito conhecido, também, por “ressuscitar” atores que caíram no esquecimento, aqui vai uma pequena lista: Harvey Keitel e Michael Madsen em Cães de Aluguel; John Travolta em Pulp Fiction; Pam Grier em Jackie Brown; Sonny Chiba, Daryl Hannah e David Carradine em Kill Bill; Kurt Russel em À Prova da Morte e Don Johnson e Franco Nero em Django Livre. (Quanta gente!)
  • Após o lançamento de Django Livre, o portal virtual da Variety divulgou um infográfico contendo a contagem de quantas mortes aconteceram em cada filme do Tarantino, confira abaixo:

Quentin Tarantino - Infográfico

  • Tarantino simplesmente ODEIA fazer propaganda de marcas já existentes no mundo real, por isso, a maioria dos produtos citados e que aparecem em seus filmes são de marcas inventadas. Um famoso exemplo disso é o icônico Kahuna Burger, criado exclusivamente para Cães de Aluguel, mas que faz aparição em Pulp Fiction e À Prova de Morte.
  • Você sabia que a maravilhosa Mia Wallace de Pulp Fiction poderia não ser a Uma Thurman? Isso mesmo! O diretor fez convite para diversas atrizes para o papel. Dentre elas, se destacam Julia Louis-Dreyfus que recusou para se dedicar à série Seinfeld e Jennifer Aniston que recusou também para se dedicar à série Friends. (Não sei o que eu queria, ela focada em Friends ou ela em um filme do Taranta. Estou em dúvida)

Quentin Tarantino - Pulp Fiction

  • Quase um Stan Lee! Tarantino aparece em quase todos os seus filmes, com uma participação pequena ou de grande importância para a trama. Ele é o Mr. Brown em Cães de Aluguel e também é o Jimmy de Pulp Fiction.

Quentin Tarantino - Jimmy

  • O inesquecível diálogo inicial de Cães de Aluguel que fala do significado da música “Like A Virgin” da Madonna teve resposta da própria cantora. No filme, o personagem Mr. Brown (feito pelo próprio Tarantino, como dito acima) afirma que a música é sobre uma garota que matinha relações sexuais com muita frequência e de repente encontrou um cara que possuía… um membro que se destacava em tamanho, e, portanto, ela se sentia uma virgem novamente. A própria Madonna, após o lançamento do filme, pediu para encontrar Tarantino e entregou a ele seu CD “Erotica” assinado da seguinte maneira: “Para Quentin. É sobre amor, não sobre pintos. Madonna”.

Quentin Tarantino e Madonna

  • Para encerrar, existe uma teoria que ronda a internet que diz que todos os filmes do Tarantino são conectados e que contam a mesma história. A teoria ficou conhecida por um vídeo protagonizado por Selton Mello e Seu Jorge. No vídeo, vemos o personagem de Selton contando a Jorge todas as evidências que comprovam a teoria. (Será que isso dá um post para o Minha Série Favorita??? Quem sabe? Comenta aí!)

E essas foram algumas curiosidades sobre o cineasta Quentin Tarantino e, também, sobre seus filmes. Comenta aqui embaixo o que achou delas, se alguma te chamou mais atenção do que outras. Tem alguma que saiba e eu não citei aqui? Fala pra a gente também! E comenta se quer um post sobre a teoria dos filmes do Tarantino! =D

Lucas Gabriel

Estudante de Tecnologia da Informação, apaixonado por cinema, música e boas histórias de terror e drama! Adora discutir teorias malucas sobre séries ou filmes. Nerd assumido desde pequeno. Fã do Quentin Tarantino (inclusive acredita na teoria de que todos os filmes formam um só), Star Wars, Harry Potter, FRIENDS e filmes, como Laranja Mecânica, Donnie Darko e Nosferatu.